fbpx

As vantagens em contratar um “profissional maduro”

Houve um tempo em que a preferência das empresas era sempre contratar profissionais mais jovens, trazer “sangue novo” para dentro das organizações. Mas em um mundo em constante mudança, não demorou muito para percebermos que os profissionais mais experientes, com longos anos de mercado, já não se sentiam felizes e acomodados com um selo de aposentadoria, por exemplo. Não se tratando de uma questão financeira, apenas, os profissionais mais maduros ainda têm muita disposição e vontade de fazer a diferença.

Um estudo realizado em 2014 pela equipe de comunicação da empresa Vagas.com apontou que o que costumava impedir a contratação de funcionários com idade acima de 40 anos era a remuneração, que costumava ser mais alta, o perfil conservador, que tende a ser apresentado por estes profissionais, a difícil aceitação das lideranças mais jovens, o perfil pouco inovador e o conhecimento técnico, que poderia estar defasado.

Porém, indo contra este apontamento, o que vemos é que as mudanças no mercado de trabalho fizeram com que a adaptação dos funcionários fosse um dos itens primordiais no momento da contratação e a experiência passou a ser um dos pontos mais valorizados.

A busca das empresas por estes profissionais mais experientes é cada vez mais frequente e, é natural perceber o aumento de colaboradores com cinquenta anos ou mais no universo corporativo.

A vontade de contribuir com ideias, de trabalhar em equipe e de mostrar o que carregam nesta longa estrada profissional é grande. Não podemos esquecer que além da experiência, estes profissionais têm uma bagagem gigantesca que pode ser dividida com outros colaboradores, ajudando a equipe a se desenvolver e a empresa a prosperar.

As vantagens são inúmeras

Além do conhecimento, estes profissionais buscam aprendizado, principalmente no que envolve tecnologia e são abertos a novos desafios. A integração com uma equipe mais jovem não é mais uma barreira e a troca de conhecimentos passa a ser uma atividade frequente. A maioria dos profissionais com idade acima de 40 anos já passou por uma linha de gestão, então a facilidade de lidar com a equipe é muito grande.

São profissionais emocionalmente mais estáveis e já tem uma vida pessoal equilibrada, o que permite que a conexão com o trabalho seja ainda maior.

Um dos grandes receios das empresas em contratarem profissionais com idade avançada estava, muitas vezes, ligada a questões de saúde, já que é natural que acima dos 40 anos o indivíduo passe a apresentar mais problemas de saúde, mas essa é uma barreira que já foi ultrapassada. É possível notar que, hoje, as pessoas se cuidam mais, se preocupam em ter hábitos saudáveis, praticam atividades físicas e realizam consultas médicas regularmente.

Se, por um lado, os profissionais mais jovens têm problemas com entrega, com prazo e cumprimento de regras, os profissionais mais maduros têm como diferencial a paciência, a tolerância, o comprometimento e tem mais maturidade corporativa, ou seja, lidam com diversos problemas de uma forma mais equilibrada e sensata.

O que estes profissionais buscam?

Podemos notar que, além de toda a questão do aprendizado e da sensação de ser útil no mercado, a expectativa de vida aumentou nos últimos anos e estamos atravessando questões políticas grandes, como a reforma da previdência. Isso contribui para que o mercado de trabalho tenha cada vez mais profissionais com mais de 50 anos de idade procurando espaço.

Além disso, a realização profissional e a necessidade de passar experiência e conhecimento adiante motivam estes profissionais.

O mais importante para eles é não se sentir obsoleto e perceberem que há espaços para eles no mercado. Mostrar que sua sabedoria e trajetória profissional podem ajudar as equipes e empresas.

Deixe uma resposta